Asp Net 5 project.json

  • Rafael Miceli
  • 24 Mar 2015

Vamos falar sobre o novo projecto.json do AspNet 5

É neste arquivo que gerenciamos as dependências .Net do nosso projeto. É exatamente o que estão pensando, não usamos mais um arquivo project em C#. Agora usamos NuGet para gerenciar nossas dependências, e guardamos elas neste novo project.json.
Percebam também que mais acima comentei explicitamente “dependências .Net”, isto porque o project.json vai conter (quase sempre) apenas referências a assemblys .Net.

###OK, mas porque esta mudança?

Bem, um dos motivos é para simplificar o gerenciamento das dependências.
Outro motivo é que a Microsoft esta tornando o AspNet independente do Windows e do Visual Studio. Como mencionado no artigo anterior o novo AspNet vai poder rodar em Linux e OSX.

###Gerenciando as dependências

Vamos ver a nova tela para gerenciar essas dependências.

Na raiz do nosso projeto clique com o botão direito e selecione “Manage NuGet Packages…”.

passo 1

Esta é nossa nova interface para gerenciar dependências .Net, nela podemos atualizar nossas dependências, listar as já instaladas ou buscar novas.

passo 2

Podemos gerenciar nossas dependências também diretamente do arquivo, vamos abrir o project.json e tentar adicionar o SignalR. Dentro do objeto “dependencies” podemos começar a digitar o nome de uma nova dependência e note que o intelisense vem nos salvar!

passo 3

Após selecionar a dependência, quando selecionar a versão note que o intelisense esta lá novamente!

passo 4

####Isso é incrível!

Se você deixar a versão em branco você vai estar usando sempre a última versão deste pacote.

Após isto, quando você salvar as mudanças note que em “References” vai aparecer ao lado “Restoring”. Neste momento o AspNet está fazendo download, se necessário, das referências.

passo 5

Vamos agora visualizar nossas referências, e você vai ver dois AspNets abaixo de “References”

passo 6

Eu sei que provavelmente você deve estar neste momento:

What?

Mas isto é tema para outro artigo. Expandindo um dos AspNets você vai ver a nossa nova referência.

passo 7

Com isto vemos uma das grandes mudanças na forma de referências que o novo AspNet sofreu, e ainda vamos ver mais!

comentarios com Disqus Disqus